quarta-feira, 20 de fevereiro de 2008

Psicodinâmica das Cores em Comunicação

Apesar do significado das cores serem diferentes em culturas diferentes, elas podem ser usadas para transmitir uma determinada mensagem. O livro faz um apanhado do uso das cores nos mais diferentes segmentos, desde arquitetura até embalagem de remédio.

A primeira lição do livro é que o significado das cores depende do seu contexto. Se você for evangélico, talvez já saiba a relação entre o significado do vermelho da Coca-Cola com o significado do vermelho do Diabo. Se você não for, provavelmente isso não faz o menor sentido. Para cada pessoa, numa determinada ocasião, num determinado objeto, o significado das cores pode ser diferente, veja:


Mas porquê será que a Coca-Cola e o Diabo foram pintados com a cor vermelha? Para responder a essa pergunta sobre o significado das cores, basta procurar o contexto em que esses símbolos estão inseridos. No Ocidente, a cor vermelha chama muito mais a atenção do que no Oriente porquê lá eles tinham fontes naturais para extrair pigmentos vermelhos há muito mais tempo. Lembre-se de que os portugueses deram o nome de Brasil para nosso país porque aqui crescia naturalmente árvores de Pau-Brasil, de onde se extraia um líquido vermelho para tingir tecidos.

Nessa época, só os nobres podiam vestir vermelho. O significado da cor representava riqueza, ostentação. Hoje em dia, o significado do vermelho já não é mais o mesmo, pois surgiram outras fontes de pigmentos muito mais baratas, permitindo que todos vestissem vermelho se quisessem. Na cidade em que moro, Curitiba, raramente alguém sai na rua todo vestido de vermelho, com exceção das prostitutas. Curitiba é uma cidade fria e por isso as pessoas preferem usar roupas escuras, que retém mais o calor (o pigmento preto é o que retém mais a luz do sol). Se você morar numa cidade mais quente, provavelmente será outra realidade.

Até aqui você já deve ter percebido que o significado das cores é muito relativo. Isso não significa que não podemos fazer uma relação entre o significado do vermelho da Coca-Cola e do vermelho do Diabo. Como pode-se observar na figura acima, em todos os casos o vermelho adquire o significado de chamar a atenção, entre outros significados. Se o Diabo é a tentação personificada e a Coca-Cola é a tentação engarrafada, então eles precisam chamar a atenção.

É esse tipo de significado das cores compartilhado que explora esta sequência de animações sobre o significado das cores de Maria Claudia Cortes. Aliás, essas animações representam bem o que Modesto Farina vai explicar no livro Psicodinâmica das Cores em Comunicação sobre o significado das cores.

Ao contrário do pouco material que você encontra na Internet, o livro está repleto de pesquisas históricas, físicas e biológicas que explicam os significado das cores dentro de vários contextos (paredes de um hospital, embalagem de produto, logomarca, sinalização de trânsito e etc). Em português, é o melhor livro sobre o significado das cores.

Fonte: Usabilidoido

Grupo Anaya

Agência com 9 anos de atuação nas mais diversas áreas da criação.